Pesquisar conteúdo do acervo do Instituto, você pode selecionar mais de uma opção para filtrar a página de resultado:

Categoria Década
















A exposição Os Caminhos de Fayga Ostrower, com curadoria de Anna Bella Geiger, foi realizada na Caixa Cultural de Brasília em 2008.

 

Anna Bella Geiger e Sonia Shuitek  na inauguração

A mostra, uma itinerância daquela apresentada no Rio de Janeiro em 2006, foi composta por 116 obras entre xilogravuras, litografias, serigrafias, gravuras em metal, desenhos e aquarelas, muitas delas inéditas para o público.

Tiveram destaque as gravuras que deram a Fayga o Prêmio da Bienal de Veneza, em 1958; o políptico do Itamaraty e alguns dos seus últimos trabalhos, de 2001.

Obras apresentadas na Bienal de Veneza

O público também teve acesso à uma recriação do ateliê onde Fayga trabalhava, sendo o espaço sonorizado com uma seleção das músicas prediletas da artista.

Thereza Kuhnert, museóloga do Instituto, na montagem da exposição